Infraestrutura e Logistica: Richa garante recursos para obra estratgica de Curitiba

O governador Beto Richa participou nesta segunda-feira (02) do encontro com a comunidade no bairro São Braz, em Curitiba, e garantiu R$ 30 milhões para a construção do novo Viaduto do Orleans, obra das mais aguardadas pelos curitibanos que moram, trabalham ou trafegam pela região. Richa e o prefeito Rafael Greca assinaram um protocolo para viabilizar a obra e apresentaram o projeto para a comunidade, durante encontro no Clube Três Marias.


A previsão de conclusão do viaduto, que fica sobre a BR-277 e é a principal ligação viária entre os bairros de Santa Felicidade e São Braz ao Campo Comprido e a CIC, é de 18 meses.


O governador afirmou que as obras fazem parte de um pacote de investimentos do Governo do Estado, em parceria com a prefeitura para melhorar a infraestrutura da capital. “Será um grande complexo viário que garantirá mais fluidez ao trânsito nesta confluência da BR-277 com vários bairros de Curitiba. O viaduto existnte  está sobrecarregado e traz muitos transtornos à população de Santa Felicidade, São Braz, Orleans e Campo Comprido”, disse o governador.


Do total a ser investido, metade é a fundo perdido, repassados pela Secretaria de Estado da Infraestrutura e Logística. A outra parte, de R$ 15 milhões, será financiada pela prefeitura via Fundo Estadual de Desenvolvimento Urbano (FDU), administrado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano.


DESAFOGAR O TRÂNSITO – A nova estrutura vai desafogar o trânsito do viaduto já existente, por onde passam cerca de 3 mil veículos por hora nos horários de pico. Após a conclusão da obra, o atual viaduto será de uso exclusivo para travessia de pedestres e ciclistas.


O prefeito Rafael Greca ressaltou que a obra atende a uma antiga reivindicação dos moradores da região. “O local aflige os curitibanos e atrapalha inclusive o trânsito da BR-277. O viaduto histórico, que remonta ao final dos anos 1970, vai ser para pedestres e ciclistas, parecidos com os famosos viadutos de Nova York. As outras duas estruturas serão como uma rotatória elevada, uma solução de engenharia para ir e vir com segurança”, explicou.


PROJETO – O viaduto sobre a BR-277 faz a ligação com o Orleans pela Avenida Toaldo Túlio, seguindo ao Campo Comprido pela Rua João Falarz. O projeto, elaborado pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), foi doado pela concessionária Rodonorte e atende às condições urbanas e da rodovia federal. É uma solução para o tráfego na região, sem que haja interrupções nos deslocamentos sobre a rodovia.


Em paralelo ao viaduto existente serão construídas duas transposições (dois novos viadutos), configurando a travessia como uma espécie de rótula estendida, que permitirá que todos os movimentos de passagem e conversão sejam realizados sem engarrafamentos.


“Foram feitas revitalizações na Avenida Toaldo Túlio, mas os problemas no Viaduto do Orleans persistem, afunilando o trânsito. Esta obra vai resolver um dos maiores problemas da cidade, pois hoje as pessoas perdem muito tempo no trânsito”, explicou o secretário de Estado da Infraestrutura e Logística, José Richa Filho.


A estrutura do atual viaduto ficará ao centro e ganhará projeto paisagístico. Além de ser destinado a pedestres e ciclistas, também terá a possibilidade de o espaço existente abrigar feiras do município. “O projeto foi pensado para que não tenha sinaleiros e não gere gargalo no trânsito, para que o fluxo possa se desenvolver com tranquilidade, inclusive no retorno da BR-277”, afirmou o vice-prefeito e secretário municipal de Obras Públicas, Eduardo Pimentel.


OUTRAS OBRAS – Na semana passada,o governador Beto Richa anunciou R$ 118 milhões para a construção de dois viadutos e duas trincheiras na Linha Verde Sul da capital, que vão melhorar o fluxo de tráfego na antiga BR-116. Além disso, o Governo do Estado destinou R$ 260 milhões para obras de infraestrutura viária na capital, que inclui melhorias da pavimentação de 240 quilômetros de ruas.


PRESENÇAS – Participaram da solenidade o secretário do Governo Municipal e presidente do Ippuc, Luiz Fernando Jamur; o deputado estadual Luiz Claudio Romanelli; o presidente da Câmara de Curitiba, Serginho do Posto, e os vereadores Mauro Ignácio, Rogério Campos, Colpani e Maria Manfron.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governopr e www.pr.gov.br

Source link

Be the first to comment on "Infraestrutura e Logistica: Richa garante recursos para obra estratgica de Curitiba"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*